Gastronomia/ Reflexões

Como escrever uma receita

Uma receita não tem como saber a qualidade dos seus ingredientes. Aliás, a maioria delas não diz nada sobre isso. Você é o responsável pelos ingredientes que escolhe – e pelo que vai fazer com eles.

Uma receita não sabe da sua aptidão para a cozinha, o que você tem vontade de comer, quem quer impressionar.

Uma pitada de sal é tão vago quanto sal a gosto, e isso tem uma razão.

Uma receita não sabe se suas papilas gustativas têm mais ou menos sensibilidade, por isso é tão difícil dizer quanto de sal. Ou de pimenta.

Receitas não são verdades absolutas. Elas levam em consideração um determinado momento criativo, com humores e ingredientes diferentes do que você pode encontrar quando, enfim, decidir cozinhar.

A batata doce que eu uso não é a mesma que você usa pra fazer o pãozinho de batata doce. O azeite é outro. O forno é diferente. Minhas mãos são enormes, e as suas, mais delicadas – nossa pitada de sal é diferente.

E tá tudo bem.

Quando eu crio já imagino essas variáveis. Elas são naturais. Você precisa saber disso. Saber que não vai ficar igual, pois quando eu coloco no mundo e você cozinha, ela passa  ser sua. E como ela é sua, ela pode ser do jeito qie você quiser.

Assuma a responsabilidade por todas as mudanças que você fizer – mas faça.

Pra escrever e pra mudar, o que uma receita quer da gente é coragem.

Você também irá gostar de ler:

2 Comentários

  • Reply
    Aline
    25/09/2017 at 2:49 pm

    Quanto amor e sensibilidade em um texto!
    <3

  • Reply
    Vani
    04/10/2017 at 1:17 am

    Perfeita! Perfeito como sempre!!!

  • Deixe um comentário