Comidinhas/ Receitas

Farofa Funcional de Sementes, Frutas e Alecrim

 

Sou uma farofeira.

Essa frase me define um pouquinho. Amo farofa, amo bagunça e, definitivamente, amo comer na praia sim, desde o bixcoito Globo com mate (com limão, óbvio) até o sanduíche caprichado que a gente leva de casa (tempos de crise, não tá fácil pra ninguém).

Vantagens dessa receita:

  1. É uma delícia;
  2. Você vai desencavar o óleo de côco do fundo do seu armário;
  3. É super saudável e todo mundo vai amar.

Pra mim, farofa tem que ter de tudo. Gosto da versão simples (porém, mui engordativa) que uma das minhas tias faz, a singela “Farofa de Alho”. Gosto também da versão ovo na farinha, sabem? Aquelas farofinhas de ovo bem fofo passado na farinha com manteiga. Mas nenhuma delas ganha dessa aqui, minha farofa de tudo o que eu tenho à mão:

Minha favorita, e nem é por ser saudável: ô farofa gostosa!

Pro meu gosto, uma boa farofa rica tem que ter elementos doces, crocantes e interessância. Essa aqui atende a tudo, tem ingredientes saudáveis e ainda faz bonito na mesa do Natal. Bingo!!!

Essa farofa é simples de fazer, fica linda e não dá tanto trabalho assim. Mas pra você atingir o nirvana das farofas, tem que seguir o passo a passo à risca. Não pule etapas, não ache que um dos passos é desnecessário, não deixe de acrescentar ingredientes (a menos que eu diga que é opcional). Foi tudo pensado com carinho pra fazer A farofa!

Como eu SEI que vocês vão pedir (sim, vocês estão ficando muito previsíveis):

mini bowls substituições farofa cozinho logo existo

É bom saber: a cebola roxa tem que ser cortada fininha – de verdade, o máximo que você conseguir, viu? Pode trocar cranberries por passas ou até banana desidratada. Também pode trocar a farinha de côco por côco ralado sem açúcar (isso é importante), e as castanhas de caju por castanhas do pará.

Se não quiser usar alecrim, pode usar tomilho (metade, viu?), mas eu, honestamente, recomendo o alecrim. Depois de detestar durante alguns anos, fiz as pazes com ele e acho que é uma das ervas que mais combina com pratos Natalinos. Isso e o fato de ser divino, maravilhoso (e ainda proteger contra mau olhado, energizar e ser cheiroso):

alecrim farofa cozinho logo existo

Outra coisa: tem uma foto bonitinha aqui embaixo, com todos os ingredientes separados. Então, isso se chama mise en place, e é essencial nessa receita! Separe tudo com antecedência (da tábua, faca à frigideira), pique os ingredientes de picar e meça os que têm que ser medidos (com colher ou xícara).

Pra facilitar a vida, coloquei uma lista de utensílios para fazer essa farofa (no final da receita).

Também é legal ter um timer (pode ser do celular mesmo) pra seguir direitinho os tempos indicados. Quanto mais à risca a gente segue, menor a possibilidade de errar. Sei que muita gente curte a tal culinária intuitiva, mas que seguir essa receitinha à risca pode te surpreender…♥

Vambora?


ingredientes 2 farofa cozinho logo existo

Farofa Funcional de Sementes, Frutas e Alecrim

  • 1/2 xícara de sementes de girassol
  • 2 colheres de sopa de castanha de caju picada
  • 3 colheres de sopa de óleo de côco
  • 1 colher de sopa de alecrim fresco picado
  • 2 cebolas roxas fatiadas bem fininhas*
  • 2 colheres de sopa de cranberry ou passas
  • 6 damascos picados em cubinhos
  • 2 colheres de sopa de farinha de côco (pode substituir por côco ralado sem açúcar)
  • 1/2 xícara de farinha de mandioca crua
  • sal a gosto
  1. Aqueça uma frigideira grande.
  2. Toste, a seco, a castanha de caju e a semente de girassol por 2 minutinhos (até elas ganharem uma cor e ficarem cheirosas). Reserve.**
  3. Aqueça uma frigideira (pode ser a mesma que você usou para as castanhas/sementes).
  4. Adicione o óleo de côco, o alecrim e a cebola fatiada.
  5. Refogue em fogo baixo por 3 minutos.
  6. Adicione as cranberries (ou passas) e o damasco e refogue em fogo baixo por mais 2 minutos.
  7. Adicione as castanhas, sementes, farinha de côco e a farinha de mandioca.
  8. Mantenha o fogo baixo e vá mexendo até que a farinha de mandioca fique bem tostada. Isso deve levar cerca de 5-10 minutos.
  9. Adicione um pouco de sal (deixe para ajustar o sal quando ela estiver fria, senão ela vai fazer tssssss!!! na sua boca!

Utensílios: tábua, faca, frigideira grande, colher de pau (ou silicone), potes/xícaras para separar os ingredientes, prato de servir

farofa 3 cozinho logo existo


Não tenha pressa, não aumente o fogo: com o fogo baixinho, a cebola vai “crispar” e ficar crocante, as castanhas e sementes vão ficar mais douradas e o sabor das frutas se intensifica. A farinha doura sem queimar e o alecrim perfuma tudo.

Na hora da Ceia, não avise que é funcional, não avise que é feita no óleo de côco, não avise que não tem bacon. Deixe todo mundo se surpreender!


  • Você também tem uma farofa especial? Compartilha a receita nos comentários! ♥

Você também irá gostar de ler:

2 Comentários

  • Reply
    Sol
    18/12/2015 at 11:43 am

    Nossa menina! Essa farofa é um espanto de gostosa e light.
    Parabéns! Beijos!

    • Reply
      Manu
      29/12/2015 at 5:13 pm

      Obrigada, Sol!
      Bjo,
      Manu.

    Deixe um comentário