Publicado em 1 comentário

Sopa de Espinafre

Pra combinar com o friozinho que se aproxima… sopinha! <3

#winteriscoming

Essa foi uma combinação linda de espinafre fresquinho com leite de amêndoas recém coado. Fiz essa receita há 2 semanas e guardei na pastinha, pra postar aqui como sugestão em uma Segunda Sem Carne mais fresquinha – como a de hoje! <3
A receita é simples, mas os ingredientes devem estar fresquíssimos. Não esqueça de acrescentar a noz moscada ralada, ela é a responsável pelo toque super especial dessa sopa! E o visual Copa do Mundo? Não sou muito de futebol, mas dessa vez não resisti, hahaha!!!
 


 
Sopa de espinafre:
1 xícara de espinafre escaldado*
3 xícaras de leite de amêndoas
1 xícara de água
1 mão cheia de salsa
2 col sopa de azeite/óleo de côco
1 cebola picada
1 dente de alho picado
noz moscada**
sal e pimenta a gosto
Em uma panela, aqueça o azeite e refogue a cebola picada e o alho por uns 5 minutos, em fogo baixo. Adicione o espinafre e refogue por mais 3 minutos. Adicione o leite de amêndoas e a água e deixe ferver por 5 minutos, em fogo baixo. Em seguida, adicione o ramo de salsa e passe a mistura pelo liquidificador ou mixer, cuidando para desfazer todos os ingredientes: a sopa deve ficar bem lisa.
Retorne a mistura para a panela até ferver, adicione noz moscada, sal e pimenta a gosto.
Se você preferir a sopa mais grossa, continue fervendo até a mistura reduzir um pouco.
*Em uma panela com água fervendo, jogue as folhas de espinafre e deixe por aproximadamente 1 minuto. Escorra e então meça a quantidade de espinafre para essa receita: você deve usar aproximadamente 3 xícaras de folhas frescas.
**Se puder, rale a noz moscada na hora: faz toda a diferença e garante um sabor especial à sopa!

________

A nice warm soup, to match the cold weather…! <3

#winteriscoming

This was a nice combination between spinach and fresh almond milk. I made this recipe 2 weeks ago and saved it for a nice cold Meatless Monday! =)

This is a very simple recipe, but the ingredients must be extremely fresh. Don’t forget to add fresly ground nutmeg, as she’s the responsible for the special touch in this soup! And what about the brazilian World Cup look at this soup? Just couldn’t resist!!

Spinach Soup:

1 cup drained spinach*

3 cups almond milk
1 cup water
1 hand full of parsley
2 tbsp olive oil/coconut oil
1 onion diced
1 clove of garlic, chopped
nutmeg**
salt and pepper
In a pan, combine oil, onion and garlic and gently fry for about 5 minutes. Stir in he spinach and continue to fry for 3 minutes. Add almond milk and water, and let it simmer for 5 minutes.
Add the parsley and blend the ingredients, until the soup remains silky smooth.
Return to the pan until it simmers, add nutmeg, salt and pepper.
If you prefer a more consistent soup, let it simmer until the stock reduces.
*In a pan with boiling water, throw the spinach leaves and let it boil for 1 minute. Drain them and measure the amount needed for the recipe. You will propably use about 3 cups fresh leaves.
**If you can, use freshly grounded nutmeg: it makes all the difference.

Publicado em 3 comentários

Sopa de abóbora

Mais uma receitinha pra enriquecer nossa Segunda Sem Carne! Outono, tempo mais fresquinho… vamos tomar uma sopinha?
É tão, mas tão fácil de fazer, que se eu fosse você passava no mercado na volta do trabalho só pra comprar abóbora e deixar essa lindeza pronta. Já disse que ela pode ser congelada? <3
Sopa de Abóbora (rende 4 porções):
600 g de abóbora sem casca em cubos*
1/2 cebola roxa picada grosseiramente
2 dentes de alho
1 talo de salsão/aipo (opcional, mas acho que fica MUITO bom)
um ramo de salsa
sal e pimenta a gosto***
Água
Jogue tudo dentro da panela e adicione água até cobrir os ingredientes. Leve ao fogo e cozinhe até a abóbora ficar bem molinha – isso vai variar de acordo com a variedade de abóbora que você comprar. Um bom teste é pressionar um pedaço contra a panela, usando uma colher de pau: se espatifar com facilidade, está bom.
Após, use um mixer/liquidificador para bater a sopa e retorne à panela apenas para ferver e atingir a consistência desejada – eu gosto dela ralinha. Quem preferir mais grossa (tipo um creme) deixa reduzir um pouco mais. Aproveite para ajustar o sal e a pimenta.
Na hora de servir, você pode tomar ela pura, com um fio de azeite (na foto, tem apenas azeite e salsa).
Costumo tomar essa sopinha à noite, e quando não estou morrendo de sono, além do azeite/salsa, salpico pimenta preta moída na hora e faço como minha nutri mandou: preparo uma cama de brotos – costumo usar broto de alfafa e todos os temperos frescos possíveis (manjericão, salsa, coentro): acreditem, fica uma delícia!

 

(a vibe é essa: joga tudo na panela e cobre com água!)

*Eu comprei quase 700g de abóbora com casca, e depois de descascar (uma casca bem malvada), fiquei com 600 gramas de abóbora.
**Sobre a pimenta em pratos que vão ao fogo durante mais tempo, cuidado se você usar pimenta calabresa. Sempre ouvi dizer que o calor constante faz com que ela libere seus óleos, que vão deixam os pratos cada vez mais picantes. Prefira pimenta do reino, ou se usar a calabresa, deixe pra jogar mais pro final.